Publicado em 30/03/2015 - 18:18 e atualizado em

Ato e caminhada marcará 10 anos da Chacina da Baixada




image

A maior chacina do Estado do Rio de Janeiro completará dez anos. No dia 31 de março de 2005, policiais militares balearam trinta pessoas, matando vinte e nove, nas cidades de Nova Iguaçu e Queimados. A fim de não deixar cair no esquecimento, a ComCausa, juntamente com familiares, promoverão atividades em memória das vítimas.

No dia 30 de março, a partir das 14 horas, a ComCausa fará um ato no dia 30 de março, durante a tarde e a noite, onde colocará uma galeria com reportagens sobre a chacina da Baixada, além da exposição “50 anos do golpe contra vida” na Praça dos Direitos Humanos – que fica na Via Light, esquina com a rua da prefeitura de Nova Iguaçu. A instituição encaminhou pedido que o local passe a se chamar Praça Raphael Silva, um dos primeiros a ser morto pelos PMs na noite do dia 31 de março de 2005. A proposta é que seja também uma homenagem a todas as jovens vítimas da violência da Baixada Fluminense.

Dez anos de caminhada

No dia que aconteceu a tragédia, na parte da tarde, é promovida uma caminhada que percorre todas as ruas onde as pessoas foram mortas em Nova Iguaçu, sendo feito homenagens em cada local. A concentração será a partir das 14 horas, na Via Dutra, na altura do Bairro Explanada.

Fundador e Editor do Site Japeri Online




Últimas Notícias

Abrace o Grupo Código

3 dias atrás