Publicado em 27/05/2015 - 19:52 e atualizado em

Jovem de Japeri vê em projeto social a chance de construir uma “nova” história




Abner Daniel supera dificuldades e participa do processo seletivo para fuzileiro naval da Marinha; projetos sociais podem colaborar para que jovens encontrem melhores oportunidades

PROJ.SOCIALEle já perdeu vários amigos que se envolveram com o tráfico de drogas, viu sua casa desmoronar, por consequência de uma enchente, e teve que se mudar às pressas com a família e, mesmo com essas e outras dificuldades, Abner Daniel Nascimento, de 19 anos, encontrou em um projeto social a “válvula de escape” para mudar de vida. “Sempre que é oferecida uma alternativa positiva para o jovem, com certeza sua realidade será diferente”, afirma Abner.

A história de Abner é semelhante a de milhões de jovens que vivem nas comunidades cariocas; mas para ele a chance de construir um futuro diferente ao de alguns desses adolescentes, marginalizados pela sua realidade, estava do outro lado do muro. Quando se mudou para o município de Japeri – RJ, Abner descobriu que a escola ao lado da que estudava estava oferecendo um curso gratuito de orientação e qualificação socioprofissional para jovens em busca do primeiro emprego: o programa social Enter Jovem**.  A partir dessa descoberta, a realidade do adolescente começou a tomar outro rumo.

Promovido pelo Instituto Empreender, o programa Enter Jovem já qualificou mais de 7.000 jovens e inseriu mais de 3.000 no mercado de trabalho. Abner, que usava as horas vagas para trabalhar como pedreiro, buscava uma chance no mercado de trabalho e a oportunidade de ter um emprego com carteira assinada; além do sonho de ingressar na Marinha do Brasil e cursar universidade de Ciências da Computação.

PROJ.SOCIAL 3Abner já conquistou uma parte desses sonhos. O jovem entrou para o time de colaboradores do Instituto Empreender e atua na área de gestão de conhecimento da instituição. Ele está também participando do processo seletivo da Marinha para fuzileiro naval e ainda pretende cursar a faculdade de Ciência da Computação, no próximo ano.

Ao lembrar das dificuldades enfrentadas durante a infância e adolescência, Abner se posiciona contra a redução da maioridade penal, pois acredita que iniciativas sociais, como por exemplo o programa Enter Jovem, são capazes de mudar a realidade de muitos menores, por meio de ações socioeducativas e que apontem oportunidades para o sucesso pessoal e profissional.

“Reduzir a maioridade penal não acaba com crimes. Por outro lado, só piora. Temos muitos casos de jovens de 18 anos que foram presos por coisas pequenas e após saírem da prisão se envolveram em coisas muito piores. Eu acredito que a solução para isso está na educação e nos projetos sociais, que podem expandir os horizontes dos jovens e estimulá-los para que continuem estudando e sirvam de exemplo para outros”, defende Abner.

Conforme dados da Unicef – Fundo das Nações Unidas para a Infância, estima-se que 1% dos homicídios registrados no Brasil, são cometidos por adolescentes entre 16 e 17 anos (Fonte – O Globo).

O cientista social Luciano Cerqueira explica que projetos sociais, inclusive de capacitação profissional como o Enter Jovem, mostram inúmeras possibilidades educativas e profissionais reais para os jovens. “Muitos projetos fazem algo que parece simples, mas que se transforma em algo grandioso na vida desses jovens. Projetos que visam capacitação profissional e outros que trabalham com a condicionalidade de se frequentar a escola são muito importantes”, garante Luciano.

Para Alexandre Nápole, advogado e conselheiro no Conselho Municipal de Promoção e Direitos da Criança e do Adolescente do Recife (COMDICA), a solução para a redução de crimes entre menores é o investimento em uma educação de qualidade e em ações de cunho social. “Educação de qualidade, acompanhada de cursos de profissionalização e medidas de acompanhamento mais eficientes de liberdade assistida para que esses adolescentes não reincidam no mundo do crime são soluções para a redução da violência provocada por alguns menores”, afirma o advogado e conselheiro do COMDICA .

Saiba mais sobre as ações e projetos sociais do Instituto Empreender em www.institutoempreender.org.

Fundador e Editor do Site Japeri Online




Últimas Notícias